quinta-feira, 10 de maio de 2012

Sexo seguro em Cuba

Dizem em Cuba: Com as nossas prostitutas podem praticar sexo seguro: quase todos elas pertencem à segurança do Estado ... 

Assista em primeira mão imagens do atentado contra Fidel

Fonte: Tonterias

"Ontem, após ver o meu Grêmio jogar contra o Fortaleza, eu me convenci de que tem coisa pior do que a fome."

Sermão patronal

O patrão majestade resolve passar um sermão no novo funcionário, recém admitido:
- Então você é o imprestável para quem teu merda de pai pediu este emprego?
- Não! O imprestável é o meu irmão mais novo. Eu sou o Nenê Pistoleiro; tava cumprindo pena por ter matado o meu último patrão. Saí semana passada...

Futebol perigoso

Camarada Stálin foi certo dia ver um jogo de futebol. Mas o jogo não foi até o fim: antes de terminar o primeiro-tempo, Stálin já tinha mandado matar todos os jogadores.

Raul, o cínico

Já passando fome no campo, uma delegação de camponeses cubanos famintos vai a Raul Castro querendo apresentar uma petição. 
-Nós já começamos a comer capim como cavalos", diz um camponês. - Em breve vamos começar relinchar como cavalos!
-Alto lá! Não se preocupe!”diz Raul Castro tranqüilizador. 
-Estamos tomando chá com mel aqui, e nós não estamos zumbindo como abelhas, estamos?"

“A esperança do povo cubano reside na certeza de que um dia Fidel e Raul irão morrer.”

“O dirigentes comunistas cubanos não fazem nenhum mal ao povo... enquanto estão com a boca e os olhos fechados.”

Fazenda coletiva

-Como você lida com os camundongos no Kremlin?
-Coloque uma placa dizendo "fazenda coletiva". Em seguida, metade dos ratos morrerá de fome e os outros vão fugir.
Essa piada é uma alusão às conseqüências da política de coletivização perseguidas por Joseph Stalin entre 1928 e 1933.

Transição socialista

O princípio da economia socialista do período de transição para o comunismo era: as autoridades fingiam que pagavam os salários, os trabalhadores fingiam que estavam trabalhando.

“Não sou bom, nem ruim. Sou apenas mais um.”

“Não há bancos no paraíso, tampouco no inferno. E agora?” (Mister Infartado)

“O sol e a lua já foram deuses. Não ouvi falar que cobrassem o dízimo.”

“Onde estarão às almas daqueles que viveram antes da criação das religiões cristãs?”

“Sou feio sim, mas não zurro.” (Assombração)

“Vivo só, pois não tenho paciência para aturar nem mesmo minha sombra.” (Mister Infartado)

Seguidores

Arquivo do blog