terça-feira, 25 de setembro de 2012

“Salvo distribuir bolsas pra lá e pra cá, o governo petista é um imenso deserto de idéias.” (Climério)

“O dinheiro sempre fugiu de mim. Mas que culpa ele tem da minha lentidão?” (Climério)

“De médico tenho um pouco. De louco até passo da conta.” (Climério)

“Fui e continuo indo. Onde? Onde a vida me levar.” (Pafúncio)

“Tive um namorado que era doce. Mas também o que juntava de moscas!” (Josefina Prestes)

“Minha mãe passou açúcar em mim. Não adiantou.” (Limão)

“A melhor coisa para abrir portas ainda é a chave certa.” (Pafúncio)

“Minha gente, continuar vivo está pela hora da morte.” (Limão)

“Nada temo além da maldade humana.” (Filosofeno)

“Se os estúpidos não fossem maioria, precisaríamos de campanhas de educação para o trânsito? (Climério)

“Tem feia mulher que faz um esforço enorme para parecer ainda mais feia do que realmente é. Coisa pra filme de terror.” (Mim)

Nem o Palácio do Planalto escapa da ação de ladrões

Mas isso é novidade?

“Cachorro que come ovelha come cabra também.” (Pafúncio)

“As burras também amam... e apanham.” (Filosofeno)

“Antes o SERASA que o cemitério.”(Pafúncio)

Uma santinha

Numa grande feira de artesanato, Climério procurava por uma santinha para levar para sua mãezinha. Mas os preços estavam altos demais e a grana estava curta. Quase na hora de ir embora, o ônibus saindo, ele perguntou para o vendedor:
- Tudo aqui passa perto dos R$ 50 reais. Meu dinheiro está no fim, você não teria aí uma santinha mais vagabundinha pra eu levar pra minha mãe?

Inauguração solene

Tancredo Neves era favorito para o Senado, em Minas, quando o folclórico Zezinho Bonifácio anunciou que, no caso de vitória, ele trocaria a oposição pelo PDS, de apoio ao regime militar. Tancredo ficou furioso, quis chamar Zezinho de gagá, mas se conteve. Ficou com aquilo remoendo. Dias depois, chamou um assessor:
- Aqui. Mande isso para a imprensa: “Essa declaração é pura protérvia do deputado José Bonifácio, e certamente decorreu de sua senectude”
- Mas, dr. Tancredo, ninguém vai entender isso... – ponderou o assessor.
- Eu sei, eu sei. Mas vou ter a alegria de obrigar o Zezinho a inaugurar o dicionário, para saber se me xinga ou agradece.
CH

“Uma vida meramente contemplativa, sem desafios, não seria um tédio? Eis o paraíso.” (Limão)

“Convide a felicidade para morar contigo. Simplifique a vida e guarde essa cara feia apenas para momentos de dor verdadeira.” (Filosofeno)

“Em banquete de vermes não pode faltar defunto.” (Limão)

“Quem gosta de morrer em véspera de feriado é patrão.” (Limão)

Seguidores

Arquivo do blog