domingo, 27 de janeiro de 2013

Como lidar com bajuladores

Os políticos estão sempre cercados de bajuladores, e gostam. Mas houve exceções como Antônio Carlos Andrada, presidente de Minas Gerais. Ele retornava de uma viagem à Europa quando um assessor bajulador tomou uma lancha no cais e foi recebê-lo ainda a bordo do navio, antes mesmo de o ilustre político reencontrar a própria família. O presidente se vingou:
- Você está cada vez mais careca!
O puxa-saco respondeu, nojento:
- Sim, mas cada vez mais amigo de Vossa Excelência!


CH

O MUAR- Marina Silva acumula “nãos” na construção de novo partido

Se ela fosse governo teria fila dando volta no Brasil. Esse povo quer é mamar! Como diz o nobre deputado interpretado pelo humorista Paulo Silvino para seu secretário Vazenildo:
-Vazenildo, meu negócio é por trás Vazenildo, é por trás.

O MUAR- Prefeitos herdam cidades sucateadas por antecessores

Isso só demonstra o elevado espírito público daqueles que saíram. Ainda bem que o povo não votou neles. Deveria é dar com pau.

ATITUDE

ATITUDE

Ele chegou em casa pé por pé, de mansinho. Entrou quietinho pelos fundos e como um gato deslizou até a sala. Lá estava sua esposa com o amante de amassos no sofá. Engoliu em seco e foi para fora pensar com calma qual atitude tomar. Pensou. No dia seguinte vendeu o sofá.

ENGULA TUA ARROGÂNCIA BOSTÃO

Por mais que tu queimes notas, teu fim será pelo fogo ou comido pelos vermes. Tua bosta fede igual a todas ou até mais; não há diferença. Mesmo que saibas muito ainda assim saberás muito pouco de tudo o que existe. Então não subestime os outros, pois num universo de bilhões tu és apenas mais um. 

Seguidores

Arquivo do blog