sábado, 27 de abril de 2013

“Quando comecei meu negócio não imaginava quão grande era a legião de otários.” (Helldir Macedo)

“Eu criei o inferno? Não lembro. Devo ser sonâmbulo...” (Deus)

“Meus procuradores são um lixo.” (Deus)

A FRONHA- Igreja gay inaugura primeiro templo em São Paulo

Que tal convidar o Feliciano para um culto em nome da causa?

O LEITE DO PODER É DOCE- Ministro Bezerra Coelho, do PSB, pode migrar para o PT

CORREIO DO CRUCIFIXO-Angola proíbe igrejas evangélicas brasileiras por serem "um negócio" e fazerem propaganda enganosa.

Dilma terá 61% do tempo de TV. Os neurônios irão se arrebentar para não dizer asneiras. É muito tempo.

Tucano quer 'Aécio bossa-nova' x 'Dilma carrancuda' em 2014

Para isso não será preciso fazer muita força.

"A Venezuela já está no umbigo do Saci. E continua descendo..."(Mim)

"Quem pega teta não quer mais largar. É preciso tirar os leitões no voto."(Mim)

“Durmo dentro de um caixão para ver se perco o medo da morte. O que tenho conseguido até agora é espantar visitas.” (Climério)

“Brasileiro só está comprando carne de primeira... primeira que entra na estrebaria. O tal filé pescoço.” (Climério)

“Infelizmente não sou perseguido por mulheres, salvo por algumas daquelas que cobram contas.” (Assombração)

“Adoro ovelhas que pagam dízimos. Que se multipliquem!” (Helldir Macedo)

“Só agora reparei: meus pés são de barro.” ( Helldir Macedo)

O RELINCHO DAS AMÉRICAS- Antevendo o futuro sombrio alguns bichos fogem de Maduro

A FRONHA- Seleção fará amistoso com Portugal para Felipão treinar sua paciência com jornalistas

Presidente já planeja retirada de aliados de Campos do governo

Será para logo o chororô dos desmamados?

Petrobras diz que 'fez o dever de casa' - mas lucro despenca 17%

Vai ver a causa é o peso dos cabides...

Arábia Saudita tem primeira campanha contra violência doméstica

Acenderam-se as luzes. Que tais campanhas se reproduzam na região. Elas merecem.

TUR NA FAVELA- Dizem que por causa dela o jogador Bernardo perdeu a cabeça. E depois quase o saco.

Dayana, mulher do traficante Menor P.

Mais uma vez, índios arrumam confusão no Maracanã

Antigamente os índios queriam só apito. Agora querem a bateria inteira.

Minha mulher promete me dar uns tapas na 'raiz do ouvido'. Ando pela casa com aquele boné que protege as orelhas.

Sábado. Dia de ficar em casa apanhando da patroa. Isto é, se não obedecê-la.

Seguidores

Arquivo do blog