domingo, 26 de maio de 2013

ENGANA-ME QUE EU GOSTO- Se nossos governantes respeitassem mesmo o dinheiro público fariam tantos gastos com propaganda?

“Tendo amantes consegui muito prazer e dívidas.”(Climério)

“Só quem anda montado em cavalo sabe o quanto dói uma assadura no rego.” (Climério)

“Só tive um amor na vida. De cada vez.” (Climério)

“Sou tão azarado que até quando o cavalo de São Jorge caga na lua sobra bosta para mim.” (Limão)

"Sou um fruto do amor. Mas logo uma jaca?” (Fofucho)

“Para ser totalmente feliz espero ansiosamente pela chegada do programa Bolsa-Trago.” (Billy Bag)

“O povo está usando óculos escuros noite e dia. Não vê que as raposas estão invadindo o galinheiro” (Filosofeno)

“Hoje acordei com uma vontade enorme de trabalhar. Mas se Deus quiser já irá passar.” (Billy Bag)

MAIS UM ASNO QUE FALA- Clérigo do Islã elogia ataque de agressores a soldado britânico

Mais do que nunca eu estou com as Vadias. Basta de violência!

O REQUENTADO- Trânsito do Rio este ano será o pior da história, diz secretário

A GAZETA DOS VIDENTES- Presidente da Caixa previu o boato sobre o Bolsa-Família e antecipou a liberação dos pagamentos

Ainda não sabemos se ele joga tarô ou búzios...

Maria do Correio entendia de cartas

No começo dos anos 1960, o então desconhecido deputado José Sarney foi a uma cartomante em Araxá (MG) em companhia do escritor Fernando Sabino. A cartomante, Maria do Correio, jogou as cartas:
- Você vai ser Presidente da República.
Quem ouviu, riu... Maria do Correio acertou outra vez. Nos anos 1970, um jovem jornalista queria saber se ia se casar com a namorada. Ela respondeu que ele não se casaria com a jovem, mas um dia seria presidente da República. O nome do moço era Fernando Collor, agora no Senado, perto de Sarney.

CORREIO DO JABUTI REUMÁTICO- Transnordestina vai atrasar cinco anos e custar quase o dobro

Seguidores

Arquivo do blog