segunda-feira, 3 de junho de 2013

“Estou preparando o meu testamento. Para quem deixarei minhas sandálias havaianas?” (Climério)

“Melhor que sexo só mesmo pudim de pão.” (Pafúncio)

“Prostitutas são mais necessárias à sociedade que os clérigos.” (Pócrates, o filósofo dos pés sujos)

Amar é... Comer a lasanha horrível que ela fez e não fazer cara de quem está com cólica renal.

“Para rezar nunca fui de andar muito. Mas para namorar já gastei dúzias de ferraduras.” (Climério)

CARTA AO COVEIRO MUNICIPAL


 Caro Senhor Coveiro:
Sou um esqueleto que descansa há muito no cemitério desta Graça Maior. Não quero mais ficar aqui, cansei desta vida solitária, desejo sair correndo por aí, sentir novamente o ar puro; ouvir o murmúrio das ruas; o perfume das mulheres; o cantar dos pássaros e ver a chuva fresca caindo do céu. Antes de ser monte de ossos dei duro na vida para conseguir minhas coisas, só eu sei. Fiquei sabendo que a moleza está grande aí fora, tem um tal bolsa-família que anda sustentando milhões de bocas necessitadas e outros milhões de vadios. Já consegui liberação de São Pedro para voltar ao mundo dos vivos, mas antes preciso de uma bolsa assim, para ficar numa boa. Sou 743 do Setor F.
Meu nome é Setembrino Gomes, 17/02/1939. Peço que fale com o prefeito e dê uma força para este amigo oculto de tantos anos.
Grato.

Como enganar o vice

Prestes a viajar ao exterior, o presidente Juscelino Kubitschek foi advertido pelo ministro da Casa Civil, Antonio Balbino, de que o vice João Goulart assinaria atos pendentes. O mais importante era o preenchimento de uma ambicionada vaga de tabelião de notas no Rio de Janeiro. JK pediu uma lista telefônica de Curitiba, correu os dedos numa página qualquer e se fixou num nome cheio de consoantes. Acrescentou outras e ordenou:
- Faça o ato de nomeação desse sujeito aqui.
- Mas, presidente, ninguém vai encontrar essa pessoa para a posse...
JK sorriu, mineiramente:
- Exato. Quando eu voltar, revogarei o decreto e nomearei outro.
CH

“O sol e a lua já foram deuses. Não ouvi falar que cobrassem dízimo.” (Mim)

“Onde estarão às almas daqueles que viveram antes da criação das religiões?” (Mim)

“Sou um passarinho que deu azar e nasceu gente.” (Mim)

“Sou apenas mais um. Se eu morrer amanhã o sol não irá se apagar.” (Mim)

SEM CONFIANÇA NOS NÚMEROS DA CRISTINA LOUCA- Buenos Aires lança próprio índice de preços

TRIBUNA DO CABIDE- Projeto que cria novos municípios será votado nesta terça

CORREIO DA BOA EDUCAÇÃO- Fifa pede respeito a assentos marcados

ENCONTRO DE BOQUINHAS E BOCÕES- Em encontro com Dilma, líderes do PMDB vão expor insatisfação

“Uma vida meramente contemplativa, sem desafios, não seria um tédio? Eis aí o paraíso.” (Limão)

“Uma boa dose de cultura é vacina contra charlatães.” (Filosofeno)

“Casei-me por dinheiro e a medicina não me deixa ser feliz. Acho que o velho irá viver mais que Fidel Castro.” (Eulália)

“Sou um poço sem virtudes.” (Limão)

Mestre Yoki, o breve

"Mestre, as mulheres são menos inteligentes do que os homens?”

“Só quando se casam com canalhas.”


“Quando o Genesis foi escrito, Deus já sabia quem era Phil Collins?” (atheus. net)

“Que tipo de vedante usou Noé para não deixar entrar água na Arca?” (atheus. net)

“Por que não existem exorcismos islâmicos, judeus ou budistas? (atheus. net)

“Um metafísico é um cego num quarto escuro à procura de um gato preto que não está lá, e um teólogo é o tipo que encontra o gato.” (Anônimo)

Se Deus é por mim, quem será contra? “Olha, a lista é grande.” (Climério)

Achando que Chico iria morrer, chamaram o padre... “Não se preocupe com a extrema-unção seu padre. Estou bem preparado, quero ir logo para o inferno encontrar-me com o meu chinaredo.” (Chico Melancia)

“Marchamos todos para a morte; nosso destino agita-se na urna funerária; um pouco mais cedo, um pouco mais tarde, o nome de cada um dali sairá e a barca fatal nos levará a todos ao eterno exílio” (Horácio)

“Não existe nada pior do que o ignorante com "certezas" imutáveis. ”(Janer Cristaldo)

“Não dá para seguir os passos de um homem bom se ele caminhar sobre o asfalto. Salvo se ele andar com um saco de farinha no lombo.” (Filosofeno)

“Nada como um dia após o outro para que tenhamos certeza de que ainda não estamos no fundo do poço. Mas já sentimos o cheiro de barro.”(Mim)

Hoje é segunda-feira. Pense como é bom estar vivo e saudável. Então, nada de cara de bunda!

Seguidores

Arquivo do blog