sábado, 26 de abril de 2014

“O amanhã? O amanhã ainda não é nada, ele não existe.” (Filosofeno)

Seguidores

Arquivo do blog