sábado, 10 de maio de 2014

“A insônia ainda me mata. Conto carneirinhos, conto vacas e nada. Não gosto de tomar medicamentos para dormir. Já sou tonto, tomando remédio fico ainda mais.” (Climério)

Seguidores

Arquivo do blog