terça-feira, 13 de maio de 2014

E como declamava meu pai Pedro Pedra

Meu amigo folharada
Eu por bem vou te contar
Não como tatu com casca
E nem abraço tamanduá.

Seguidores

Arquivo do blog