domingo, 25 de maio de 2014

Poeminha- SUÍNO EU NÃO SOU

Suíno eu não sou
Não nasci de uma porca
Também não vim ao mundo num chiqueirão
Mas digo em alto e bom som no púlpito da praça ou na missa de domingo:
Antes ser um porquinho gordo
Daqueles que alegram a criançada
Que um político rasteiro e ladrão
Óleo de peroba na cara
Desgraça maior de uma nação.

Seguidores

Arquivo do blog