domingo, 8 de junho de 2014

CARECA NÃO

Artur era funcionário antigo do banco, mais de dez anos de casa. Ninguém jamais notara algo diferente na sua aparência, foi uma surpresa.   Pois boquiabertos seus colegas ficaram quando ele chegou ao trabalho na manhã de segunda-feira completamente careca. Ninguém sabia que usava peruca, escondia muito bem. Alguns engraçadinhos fizeram piadas, mas Rosineide achou que ele ficou até mais bonito. Zenaide deu até uma alisadinha de leve. Antes do meio- dia foi chamado pelo gerente e informado que estava demitido, pois o banco não admitia funcionário careca. Artur não ficou abalado, pois já estava de saco cheio daquela rotina, iria inventar algo para fazer. Mas não podia antes de sair perder a oportunidade de sacanear o gerente,extremoso bajulador de diretores:
“Funcionário careca o banco não admite?”
“De jeito nenhum!” – respondeu o gerente empinando o nariz e alisando o topete.
“E gerente corno?”- Perguntou Artur enquanto saía rapidinho sem esperar pela resposta.

Seguidores

Arquivo do blog