domingo, 8 de junho de 2014

UM ENJOADO NA PENSÃO MARAVILHA

Eu era um tolo muito enjoado para comer. Cheio de frescura. Isso não servia, aquilo não dava,queria só coisinha boa. Em 1986, quebrado por livre  desperdício de todo tipo,também ao trago e meretrício, fiquei sem emprego,credores na cola, fui então tentar a sorte em Porto Alegre; queria acertar minhas pendências com todos. Pensei que sem pressão seria melhor para começar uma nova vida. Fui morar na Pensão Maravilha, na Riachuelo, no centro de POA. Quarto conjugado e bem sujinho; o bichinho mais pequeno que morava por ali era uma lagartixa.Arrumei emprego na Gadol Assessoria e Cobrança.O salário dava para pagar a pensão e quase sempre o almoço de todo dia.Lá estava eu, sem família e amigos,por minha própria culpa penando solitário. E o sujeito que não comia arroz e feijão ficava com água na boca quando não podia pagar um prato feito. Tive de almoçar algumas vezes somente  pão com manteiga. Foi o único período em minha vida que passei fome. Quando passava por uma casa de lanches ficava doido para comer um Chess, mas não tinha grana. E aí eu me lembrava do desperdício do passado, e como aquilo doía. Foi sem dúvida uma grande lição, guardada na memória e no peito.

Acontecia nos bailes. Depois de tomar uma Cuba Libre eu beijava até a avó dos músicos. Um grande fiasquento!

Já aconteceu contigo de pedir para dançar com uma senhorita e no momento seguinte perceber que havia se enganado de pessoa?

“O dinheiro sempre teve alergia de mim.” (Climério)

“Não conte tudo sobre você nem mesmo para os melhores amigos. Nem todas as amizades são para sempre. Não seja ingênuo, os malvados são reais.” (Mim)

“Tive um amigo tão bom que até a minha mulher ele levou embora.” (Pócrates)

“Desconfie daqueles que te prometem o paraíso. Na maioria das vezes eles não sabem nem quando é noite ou dia.” (Filosofeno)

Quem é mais feliz? Os elefantes ou os porcos?

Penso que são os elefantes. Nunca vi salame de carne de elefante.

“O vinho quanto mais velho, melhor. Eu, quanto mais velho mais propenso ao azedume.” (Limão)

Leão Bob quase abocanhou um petista

“Ontem quase comi um político brasileiro do partido chamado PT. Ele escapou por muito pouco. Minha mãe sempre diz que comer político do PT causa indigestão, porém é um bem que fazemos à humanidade.” (Leão Bob)

“Estou percebendo que o meu marivelho não vai morrer mesmo. Acho que irei precisar de um amante.” (Eulália)

JOGADORES LEÕES

“Meu time é composto de jogadores leões.”
“Fortes e guerreiros?”
“Não. Comilões e dorminhocos!”

PENSAMENTO POLÍTICO- Ômiseumininu, que frase, que pensamento, só podia vir do Açaí no Belém das chuvas das 17 horas: “Não é a política que faz o candidato virar ladrão, é o seu voto que faz o ladrão virar político”.

Tenho 55 anos e me sinto um jovem cheio de projetos. Manter a esperança de dias melhores é energia que corre na veias.

Não consegui ainda juntar um dinheirinho na vida. Mas acumulei outras coisas também muito importantes. Vontade de aprender, por exemplo.

Deixo os meus ouvidos obstruídos para ouvir cada vez mais.

Trabalho e penso, penso e trabalho. O fruto disso só pode ser doce.

A minha mulher tem toda preocupação comigo. Comprou até um jazigo só para mim...

Aécio Neves é pai de gêmeos. Mais dois votos...

Bisturi rápido

Após uma homenagem ao Dia da Mulher, na Assembléia Legislativa da Paraíba, uma loura estonteante de “magníficos e exuberantes seios”, como relatou Hélder Moura no Correio da Paraíba, passou pelo médico e deputado Antônio Ivo. Boquiaberto, cutucou o deputado Inaldo Leitão:
- Eu em cima de uns peitos desses…
Só então Ivo notou que sua própria mulher ouvira o gracejo. E o desafiou:
- O que é que você fazia, Antônio Ivo?!…
Ele, em cima da bucha:
- …eu pegava o meu bisturi e fazia uma plástica de torar!
DP

Um amigo definia a língua assim: Língua é o órgão sexual que antigamente se usava para falar."

“Minha vida daria um livro e uns dez anos de cadeia.” (Climério, o impossível)

DEVEDOR ESPERANÇOSO- "Devo, não nego, pago quando Jesus voltar."

“Deus e o Diabo são mais jovens que o homem. São construções da sua fábrica de domínio.” (Filosofeno)

UM ARGENTINO NO MERETRÍCIO

Argentino leva garota de programa para o quarto. Ele se despe, ele vê que ela está sem os pelos pubianos.Então reclama:
"Donde están sus cabellos?"
Ela responde: " Vem cá argentino, me conta: Você veio aqui para fazer sexo ou para comprar uma peruca?"

"Posso morrer pobre, sem problema quanto a isso. Só não posso é morrer burro." (Mim)

CARECA NÃO

Artur era funcionário antigo do banco, mais de dez anos de casa. Ninguém jamais notara algo diferente na sua aparência, foi uma surpresa.   Pois boquiabertos seus colegas ficaram quando ele chegou ao trabalho na manhã de segunda-feira completamente careca. Ninguém sabia que usava peruca, escondia muito bem. Alguns engraçadinhos fizeram piadas, mas Rosineide achou que ele ficou até mais bonito. Zenaide deu até uma alisadinha de leve. Antes do meio- dia foi chamado pelo gerente e informado que estava demitido, pois o banco não admitia funcionário careca. Artur não ficou abalado, pois já estava de saco cheio daquela rotina, iria inventar algo para fazer. Mas não podia antes de sair perder a oportunidade de sacanear o gerente,extremoso bajulador de diretores:
“Funcionário careca o banco não admite?”
“De jeito nenhum!” – respondeu o gerente empinando o nariz e alisando o topete.
“E gerente corno?”- Perguntou Artur enquanto saía rapidinho sem esperar pela resposta.

Seguidores

Arquivo do blog